Como manter sua energia elevada

Mesmo que você não observe no dia a dia, existem energias que são emitidas e compartilhadas pelos seres. Você as registra, às vezes, ao entrar num local ou encontrar alguém, porque podem ser eventualmente percebidas pelas pessoas e pelos animais. Elas foram reconhecidas e estudadas por culturas milenares, são citadas em livros religiosos e ninguém escapa de suas leis e de sua influência.

É bem útil, portanto, aprender como funcionam e como aplicá-las na conquista e manutenção de sua paz e bem-estar.

Elas têm um papel fundamental na saúde física e emocional. A Parábola do Bom Samaritano (Lucas 10) ilustra bem o tema, ao falar de um homem que descia de Jerusalém para Jericó.

Um homem comum, numa rota de descida, foi atacado por ladrões. Que tipo de descida era essa? Simbolicamente, é uma descida vibratória: da fé para a descrença, da verdade para a mentira, da virtude para o vício, da segurança para a insegurança, da bondade para o egoísmo.

Agimos sobre essa energia mesmo quando não somos conscientes disto, mesmo se estamos displicentes. Sabe quando você está dirigindo calmamente, ouvindo uma bela música, e alguém corta a sua frente, você se assusta e sente vontade de xingar ou agredir o outro motorista? É quando você desce para um nível de vibração mais baixo e pode ser “assaltado” por ideias, emoções e desejos ruins.  Um imprevisto induz a uma mudança de vibração e à sintonia com faixas mais baixas de pensamentos e intenções, colocando você ao alcance de seres afins.

Como as energias se misturam com as semelhantes, se não perceber isso e se reequilibrar logo, você começa a “se misturar” energeticamente com emanações mais pesadas, doentias, violentas – qualidades às quais pode ainda não estar imune.

Mas existem formas de resistir à queda e se estruturar energeticamente, de fortalecer-se e permanecer firme, num bom nível de energia e de equilíbrio. Um dos mais eficientes é sempre manter uma unidade entre pensamentos/palavras/ações. Nunca fale ou aja diferente daquilo que pensa e dos valores em que acredita. Isso consolida seu modo de ser e de estar no mundo.

Vontade focada, determinação, atitudes dignas, palavras construtivas, intenções boas transformadas em ações efetivas, prece e ligação com Deus – tudo isso forma, por si, uma boa defesa e um escudo contra a queda.

Se resvalar e cair, contudo, há sempre o caminho de subida, de Jericó até Jerusalém. Mas isto fica para uma postagem futura.

 

Leia também:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s